O pirarucu selvagem é um dos principais símbolos da Amazônia, e o seu manejo, realizado há mais de 20 anos por comunidades ribeirinhas e indígenas da região, representa uma das iniciativas mais bem-sucedidas de conservação do meio ambiente e geração de renda para as populações locais. 

A marca coletiva “GOSTO DA AMAZÔNIA” nasce dessa harmoniosa combinação, com a estratégia de promover a comercialização conjunta do pirarucu selvagem de manejo. O objetivo é desenvolver os principais valores defendidos e praticados pelas instituições envolvidas neste processo: a preservação da natureza, comércio justo e transparente e desenvolvimento econômico local e social sustentável.

Já o slogan “sabor que preserva a floresta” evidencia um outro grande diferencial do GOSTO DA AMAZÔNIA: a qualidade e a versatilidade do pirarucu selvagem para a gastronomia. Testado e aprovado por diversos chefs e restaurantes, a iguaria conquista cada vez mais os consumidores adeptos a uma alimentação que combine sabor com atitude.

Experimente o pirarucu selvagem de manejo, e prove que sustentabilidade também faz parte do seu cardápio! 

Conheça o Pirarucu

Diferentes cortes, várias formas de preparo. Saudável para você e o planeta.

Filé

Caldeirada - Frito -
Moqueca - Empanado

Um dos cortes mais tradicionais, apreciado regionalmente com um sabor um pouco mais acentuado mas mantendo as caracteríscitas da carne macia e sem espinhas.

Ótima opção para moquecas, filés empanados e fritos tem diversas combinações.

Barriga

Na brasa - assada -
Torresmo - Gravlax

Parte de grande interesse gastronômico, por ter sabor e textura diferenciados. Com interior macio e podendo adquirir uma superfície crocante, funciona bem tanto assada no forno ou grelhada na churrasqueira, como também em preparacões curadas como o gravlax.

Seu sabor tem a untuosidade da gordura natural, que também é um dos seus atributos nutricionais.

Lombo

Carpaccio - Tartar -
Grelhado - No molho

Parte nobre, mais magra e com estrutura alta e redonda, de sabor delicado, própria para steaks altos, escalopes ou cortado em cubos para caldeiradas e preparações com molhos e caldos.

Onde encontrar

Distribuidores
Nacionais e regionais

Distribuidor Primário Nacional

A ASPROC é uma organização de trabalhadores e trabalhadoras agroextrativistas sem fins lucrativos com atuação sistemática e progressiva local, em todo o território nacional participando de processos de construção e replicação de soluções para o desenvolvimento socioeconômico sustentável regional, com inclusão social, visando o desenvolvimento humano e a conservação da floresta e seus ecossistemas.

Telefone: (97) 3491-1023
Whatsapp: (92) 98429-9235
E-mail: contato@asproc.org.br
www.asproc.org.br

Só peixe

Distribuidor Regional - Rio de Janeiro

Há mais de 25 anos no mercado de distribuição de pescados e frutos do mar, a SÓ PEIXE é o distribuidor oficial do Pirarucu de Manejo Sustentável no Rio de Janeiro.

Telefone: (21) 2502-7885 

Whatsapp: (21) 98312-3046

www.sopeixe.com.br

BIOBÁ

Distribuidor Regional - São Paulo

A Biobá - Plataforma da Sociobio é um ambiente de impulsionamento de venda de produtos do campo e da floresta, com a missão de conectar fornecedores e iniciativas de comercialização (mercados, empórios, restaurantes, foodservices) sem intermediadores, com preços baseados no Comércio Justo e na Economia Solidária.

E-mail: bioba@bioba.com.br

Telefone: (61) 98441-4535

www.bioba.com.br

Instituições que apoiam o Gosto da Amazônia

Quer saber mais? Mergulhe aqui!

Proprietários de restaurantes, chefs, amantes da gastronomia, patrocinadores e demais pessoas interessadas: entrem em contato.
Adoramos falar sobre o nosso produto e as lindas histórias que ele tem para contar.

fechar

Constituída legalmente há 25 anos, a ASPROC tem a missão organizar e representar os trabalhadores rurais na luta pela garantia dos direitos.

A Associação dos Produtores Rurais de Carauari (ASPROC) é uma organização de trabalhadores e trabalhadoras agroextrativistas de comunidades ribeirinhas localizadas ao longo do médio rio Juruá, no município de Carauari (AM), a 780 km em linha reta de Manaus, chegando a 1.500 km se acessado pela sinuosidade do rio. Constituída legalmente há 25 anos, a ASPROC tem a missão organizar e representar os trabalhadores rurais na luta pela garantia dos direitos, viabilizando processos de organização e comercialização da produção solidária e sustentável, para a geração de renda e melhoria da qualidade de vida das comunidades, aliadas à conservação da floresta e dos seus ecossistemas.

Pelo histórico de organização social das populações ribeirinhas do Médio Juruá, a ASPROC é referência na Amazônia brasileira de superação e resultados.

O Gosto da Amazônia é uma iniciativa de um Coletivo de organizações no Estado do Amazonas que assumiu o desafio de formar arranjos comerciais que buscam agregar valor à cadeia produtiva do Pirarucu, impulsionando o desenvolvimento socioambiental da região,compensando os custos ambientais com a realização do manejo e a conservação ambiental com a garantia de preço justo.

“Os resultados são bastante expressivos. A proteção de lagos explica mais de 80% da variação no estoque populacional de pirarucu."

A ASPROC tem atuado em uma dimensão territorial e inclusiva, passando a comercializar o pirarucu de outras áreas de manejo e associações comunitárias e indígenas, pagando preços mais justos e buscando novos mercados, com o objetivo de aumentar a renda e a qualidade de vida dos pescadores e manejadores. Exemplos de outras áreas parceiras da ASPROC são: as Terras Indígenas Deni e Paumari, as comunidades do Acordo de pesca de Carauari, a RDS Mamirauá (região de Jutaí), a RESEX do Baixo Juruá, a REXEX Rio Unini, a RESEX Auatí-Paraná e a RESEX do Médio Purus.

Para saber mais sobre a instituição, acesse: www.asproc.org.br
E-mail: asproc.associacao@gmail.com

(97) 3491-1023